Plástico Verde da Braskem chega ao Grupo LEGO

Feita a partir da cana-de-açúcar, a resina será usada nos elementos "botânicos" das linhas de brinquedos da companhia dinamarquesa

O Plástico Verde da Braskem, I'm greenTM, foi o primeiro Polietileno de origem renovável a ser produzido em escala industrial no mundo. Desde 2010, o material, feito a partir da cana-de açúcar, vem sendo usado em diversos produtos de mais de 150 marcas em todo o planeta - de embalagens de alimentos e itens de higiene pessoal até cadeiras e vasos. Agora, será fornecido também ao Grupo LEGO® para a fabricação de elementos "botânicos", como árvores, arbustos e folhas de suas linhas de brinquedos.

"Essa parceria reforça a estratégia bem-sucedida da Braskem de apostar em produtos sustentáveis e inovadores", diz Gustavo Sergi, diretor de Químicos Renováveis da empresa. "O Plástico Verde integra o portfólio de produtos renováveis da companhia, que tem uma estratégia robusta de crescimento e desenvolvimento para os próximos anos", completa.

lém de ser 100% reciclável, o Plástico Verde contribui para a redução dos gases causadores do efeito estufa. A produção começa com a desidratação do etanol, obtido da cana-de-açúcar, para transformá-lo em Eteno verde, que segue para as unidades de polimerização a fim de ser convertido em Polietileno. De lá, o plástico é levado para empresas de terceira geração, que vão usá-lo para criar produtos.

Veja como é a cadeia:

 

Entre os segmentos que mais usam essa resina, estão varejo, cosméticos, bebidas, produtos de limpeza, agricultura, alimentos, higiene e beleza.

Seja um embaixador dessa ideia! Saiba mais sobre o I'm greenTM

É produzido desde 2010 no Polo Petroquímico de Triunfo (RS) - a maior unidade industrial de Eteno derivado de etanol do planeta.
Essa unidade industrial tem capacidade para produzir anualmente 200 mil toneladas de Polietileno Verde.
É produzido a partir do etanol de cana-de-açúcar, uma matéria-prima renovável, ao passo que os Polietilenos tradicionais utilizam matérias-primas de fonte fóssil, como petróleo ou gás natural.
Por essa razão, o Polietileno Verde captura e fixa o gás carbônico da atmosfera durante a sua produção, colaborando para a redução da emissão dos gases causadores do efeito estufa.
Desde a plantação da cana-de-açúcar até a produção de etanol, os fornecedores devem atender a princípios de desenvolvimento sustentável presentes no "Código de Conduta para Fornecedores de Etanol" elaborado e implementado pela Braskem e que cobre aspectos como respeito à biodiversidade e boas práticas ambientais.
O Polietileno Verde mantém as mesmas propriedades, desempenho e versatilidade de aplicações dos Polietilenos de origem fóssil - o que facilita seu uso imediato na cadeia produtiva do plástico.
Por esse mesmo motivo, também é reciclável dentro da mesma cadeia de reciclagem do Polietileno tradicional.
Além da Braskem, seus parceiros que utilizam o I'm greenTM conquistaram prêmios de reconhecimento pela inovação tecnológica e contribuição à sustentabilidade de produtos e do meio ambiente de importantes organizações empresariais e ambientais do país e do exterior.
Quer conhecer mais? Clique aqui .